Aguarde!
 Carregando o Conteúdo
          desta Página...
Home TopGyn
Envie por E-mail Fale Conosco

O jeito da gente ser

O folclore nordestino é um dos mais ricos do Brasil, pela variedade de suas peças, pela beleza dos seus rítimos e pela graciosidade de seus movimentos. A Paraíba é dona de um rico acervo folclórico que se manifestam em danças, folguedos, peças de teatro e outras formas que a imaginação popular vem guardando a centenas de anos, preservando um patrimônio único de nossa identidade.
A Nau Catarineta, o Bumba-meu-Boi, o xaxado, o côco-de-roda, a ciranda e as quadrilhas juninas tem a marca registrada da alegria de nossa gente e de sua capacidade inventiva. Grupos como o de dança do SESC "Tenente Lucena" são repositórios dessas tradições que são passadas de geração a geração e levadas até os jovens como forma de manter acessa a chama de nossa cultura e dos nossos costumes.
Profundamente ligado as sua raízes, o paraibano cultiva com carinho essas manifestações populares que tem seu grande momento na época das festas de São João, onde praticamente em cada bairro, surge uma quadrilha junina, um grupo de danças típicas, para alegrar as festas e movimentar a comunidade.
Nas escolas e na universidade, o folclore é cultivado, não como matéria de estudo, mas como forma viva, capaz de fazer interessar as novas gerações, cientes de que ali estão suas raízes mais caras.
Forma viva de expressão popular, o folclore impressionam pela sua riqueza de cores e rítimos, retratam a alma de um povo que soube vencer as adversidade e fazer da vida um motivo de alegria.