Aguarde!
 Carregando o Conteúdo
          desta Página...
Home TopGyn
Envie por E-mail Fale Conosco

CÂNCER

Forma genérica pela qual são designados os tumores malignos.
Nem todos os tumores são malignos, mas existem alguns tipos que avançam sobre os tecidos sadios, destruindo as células.
Em função dessa característica, são considerados malignos, ou cancerígenos.
A luta contra o câncer está avançando com vitórias relevantes.
Entretanto, esta é uma das doenças mais complexas com as quais a medicina já se deparou.
No mundo inteiro, é a segunda causa de morte. Dos mais de cem tipos de câncer, 60% podem ser erradicados. Algumas formas letais da enfermidade, atualmente estão sob controle.
Os pacientes vivem de modo normal, sem prejuízo significativo na qualidade de vida e na capacidade de trabalho.
A ciência comprova que, de cada dez tumores malignos, sete poderiam ter sido prevenidos por meio de hábitos saudáveis.
A maioria dos cânceres são causados por hábitos insalubres. Segundo a Organização Mundial de Saúde, de dez mulheres portadoras de câncer de mama, nove o adquiriram em função de má alimentação associada à conduta danosa à saúde.
O uso de cigarro, bebidas alcoólicas, alimentos cárneos, laticínios e gordura em excesso, são apontados como indutores de 70% das manifestações cancerígenas.
A redução no consumo de carne vermelha, gordura de origem animal, sal e frituras, já seria uma grande vitória na luta contra o câncer.
Esses alimentos ativam a produção de testosterona, o hormônio que acelera o surgimento de câncer de próstata em pacientes com pré disposição a doença. Nos Estados Unidos, terra da gordura, o câncer de próstata mata um homem a cada 1 4 minutos.
Em relação ao câncer de pulmão, 90% dos casos estão relacionados ao cigarro. Devido ao consumo excessivo de cigarro e álcool, o Brasil é recordista mundial de câncer de laringe.
Segundo especialistas, no caso do câncer, o estilo de vida é fator preponderante. Dietas ricas em gordura, excesso de peso e vida sedentária propiciam concentração excessiva de hormônios no organismo.
Em muitas mulheres, essa condição resulta em câncer de mama. As mudanças de comportamento verificadas nos últimos anos, associadas à má alimentação, favoreceram a proliferação do câncer.
Segundo alguns cientistas, algumas pessoas nascem com células anormais, predispostas ao câncer.
Porém, a teoria ainda não foi totalmente comprovada. Se o assunto é câncer, existem poucas certezas. Uma delas é que o alcatrão presente no cigarro é indutor da doença.
No início, o câncer é apenas um tumor sólido. A partir do núcleo, células cancerígenas disseminam se pelo tecido, destruindo células sadias.
Se o processo não for interrompido, outros órgãos são afetados. O nome dessa ocorrência é metástase. As formas mais comuns da doença ocorrem internamente.
Essa característica dificulta a identificação do mal. Portanto, todo sintoma inexplicável, sem causa aparente, resistente a tratamentos convencionais, deve ser analisado por especialista.
O desenvolvimento da enfermidade às vezes é rápido, outras vezes lento. Entretanto, é sempre progressivo.
A menor desconfiança, procure um médico. Só ele poderá fazer diagnóstico confiável. Na luta contra a doença, o tempo é o grande diferencial entre a vida e a morte. Durante a consulta com o médico, fale do problema em detalhes.
Não omita nenhuma informação, por banal que seja. Faça imediatamente os exames por ele solicitados e siga as orientações criteriosamente.
Muitas pessoas foram curadas de diversos tipos de câncer através da medicina natural. Porém o tratamento é rigoroso e exige mudança radical no estilo de vida.
As pessoas que optarem pelo tratamento natural, não devem, em hipótese alguma, abandonar o tratamento convencional prescrito pelo médico. O sedentarismo deve ser combatido; faça caminhada matinal ao ar livre.
Noitadas de trabalho ou de lazer são altamente prejudiciais à saúde. Durma no mínimo 8 horas por noite, deitando-se por volta das 21 horas e acordando bem cedo no dia seguinte.
Tipos de câncer mais comuns:

CÂNCER DA BOCA: Desconfie de qualquer ferida que, decorrido o prazo normal de cicatrização, continue inflamada e latejante. Tenha muito cuidado com as feridas causadas pelas dentaduras e próteses dentárias, que ficam expostas aos alimentos.

CÂNCER DA LARINGE E GARGANTA:- Rouquidão inexplicável que ultrapasse 10 dias requer atenção especial, principalmente se o paciente for ou tenha sido fumante. Procure um médico especialista e solicite exames.

CÂNCER DE MAMA: Dor, inflamação, aumento e endurecimento de um dos seios, supuração do mamilo (sangrenta ou não). Observe os sintomas por no máximo 10 dias. Para ter certeza, procure um especialista o quanto antes. O câncer de mama é uma das principais causas de morte de mulheres no Brasil.

CÂNCER NO ESTÔMAGO: Falta de apetite, diarréia incurável, presença de sangue nas fezes, vômitos constantes, dificuldade digestiva etc.
Este tipo de câncer raramente manifesta-se através de dores, porém é devastador.

CÂNCER NO ÚTERO E OVÁRIOS: Hemorragia prolongada e irregular, fora do período menstrual. Independente da manifestação dos sintomas, as mulheres devem fazer periodicamente exames preventivos. Sua incidência é maior nas mulheres com idade superior a 30 anos, porém ocorre também em pessoas mais jovens.
Suspenda o uso de:
• Alimentos de origem animal, inclusive ovos, leite e derivados.
• Cigarros, cachimbos, charutos e rapé.
• Bebidas alcoólicas, cerveja, refrigerantes e refrescos artificiais.
• Café, chá-preto e chá-mate. Substitua-os por chás medicinais.
• Balas, bombons, chocolates, doces e bolos confeitados.
• Alimentos gordurosos (frituras, pastéis, bolinhos, coxinhas e Iaticínios).
• Combinações alimentares impróprias (frutas com legumes; líquido durante as refeições; frutas ácidas com frutas doces etc).
• Elimine da dieta alimentos refinados ou processados (açúcar refinado, farinha de trigo refinado, sal refinado, arroz beneficiado, macarrão etc).
• Pesquisas científicas comprovaram que os antioxidantes, principais armas na luta contra o câncer, estão disponíveis nos alimentos de origem vegetal. Os licopenos (bioflavonóides) existentes no tomate e em outras frutas vermelhas, comprovadamente, são agentes anticancerígenos.
• Use alimentos antioxidantes para neutralizar a ação dos radicais livres. Diariamente, use no mínimo três espécies dos seguintes vegetais: brócolis, cenoura, agrião, couve, uva, mamão, maçã, limão, laranja e soja.
• Use alimentos ricos em VITAMINA C. A substância fortalece o sistema imunológico, protege as células contra radicais livres, inibe o desenvolvimento de tumores e retarda o envelhecimento dos tecidos.
• Beba água pura e fresca e sucos naturais. Na alimentação, use por frutas frescas da época, legumes crus e cereais integrais.
• Observe a combinação dos alimentos. Faça refeições exclusivas de frutas algumas vezes por semana.
• Use produtos integrais e naturais (açúcar mascavo, farinha de trigo integral, sal grosso, arroz integral, macarrão integral etc).

TRATAMENTOS

Hortaliças
Agrião • Suco das folhas e talos, diluído em água. Tomar 250 ml de manhã, em jejum.
Cebola • Saladas cruas de cebola e alho, temperadas com limão, azeite de oliva e sal grosso.
Repolho • Suco diluído em água. Acrescentar suco de 1 limão para 250 ml de suco. Tomar 30 minutos antes do almoço.

Frutas
Acerola • Refeições exclusivas 3 vezes por semana. Veja no link.
• Tomar 200 ml do suco natural, 5 vezes ao dia.
Limão • Cura de limão. Veja no link.
Mamão • Refeições exclusivas de mamão 4 vezes por semana. Mastigar algumas sementes. Veja no link.
Uva • Dieta exclusiva 2 dias por semana. Veja no link.

Plantas
Feno-Grego • Chá dos grãos (20 g para 1 litro de água). Tomar 4 xícaras ao dia.
Lúpulo • Chá dos grãos (15 g para 1 litro de água). Tomar 3 xícaras ao dia.
Tanchagem • Chá das folhas (30 g para 1 litro de água). Tomar 4 xícaras ao dia.

Outros Tratamentos
Geoterapia • Compressas de argila na região do ventre, com duração máxima de 2 horas. Pode-se acrescentar carvão vegetal, repolho ou cebola.

Texto extraído do livro "Medicina Alternativa de A a Z", Carlos Nascimento Spethmann.